2.png

PORTARIA

Ao ir a um condomínio, seja ele residencial ou não, é comum ter que passar pela portaria e aguardar a liberação para adentrar o espaço. Esse processo é realizado por duas pessoas: controlador de acesso e porteiro.

 

A comparação desses profissionais é constante, porém não reflete as suas reais atribuições. Quando pensamos em o que faz um controlador de acesso, por exemplo, é essencial pensar na gestão do controle de acesso como um todo, normalmente realizada na área externa do condomínio. Sendo uma das bases da segurança privada esse profissional se concentra na parte preventiva do serviço, onde são tomadas atitudes para que a ação criminosa não ocorra. É responsável por controlar as pessoas que entram em condomínios, eventos ou empresas e lida diretamente com a segurança dos espaços porque será o responsável por liberar cada uma das pessoas.

 

Enquanto isso, o porteiro possui funções mais administrativas dentro da portaria, não se restringindo às operações que são direcionadas à segurança do local. Ambos os profissionais possuem uma inegável relevância no local protegido, especialmente nos condomínios.

Porém, para entender de fato o que cada um faz é fundamental desvincular uma profissão da outra. Os nossos profissionais possuem cursos de capacitação na área de segurança predial, oferecendo aos nossos clientes qualidade e excelência na prestação de serviços.